Mulher adúltera

Ferreira Gullar (insuspeito de simpatias direitistas), na Folha de São Paulo de ontem:

Faz lembrar Nelson Rodrigues, que recomendava à esposa adúltera: “mesmo que seja surpreendida, nua, na cama com o amante, negue, negue veementemente”. É que sempre há a hipótese de que o marido (ou o eleitor), preferindo não saber a verdade, aceite a mentira. Essa é a esperança de Lula e Tarso Genro.